Tempo de leitura: 3 minutos

Muitas pessoas gostam de nadar à noite, ainda mais com o clima brasileiro em que esses períodos podem ser tão quentes quanto os dias. É sempre bom dar um mergulho para se refrescar. Nesse momento, a iluminação para piscinas é fundamental. Além de bonita e aconchegante, uma piscina bem iluminada se torna mais segura.

Mas como acertar nesta iluminação para piscina? Neste artigo vamos mostrar cinco ótimas dicas para ajudá-lo nessa tarefa. Boa leitura!

Escolha o local

Se você ainda estiver construindo a piscina, imagine o local onde as pessoas mais ficarão e como elas se posicionarão dentro d’água.

Se a piscina estiver pronta, observe esse comportamento: para onde as pessoas costumam se virar quando estão paradas na água? As luzes devem ser instaladas no lado oposto, de forma a não ofuscar a visão dos banhistas e gerar uma sensação mais agradável.

Ilumine pontos-chaves

Você deve tentar relacionar beleza e segurança com a iluminação para piscinas. Por isso, ilumine pontos-chaves, como escadas, prainhas, bancos e bares molhados, além de curvas e quinas para auxiliar no mergulho.

Preste atenção também aos desníveis e degraus internos, que devem ser bem iluminados para evitar acidentes.

Considere o formato e a cor da piscina

Quadradas, retangulares, redondas, ou ovais, para cada formato há uma iluminação indicada. Procure não exagerar, mas garanta que toda a piscina esteja iluminada.

Com relação às cores, em revestimento claros, tanto de azulejo, quanto de vinil e fibra, a luz fará mais efeito. Em revestimento escuro você terá que gastar um pouco mais com o projeto.

Além disso, se você utilizar cores verdes e azuis, por exemplo, tanto no revestimento quanto para a iluminação da piscina, isso gera uma sensação de água fresca. Já as cores vermelha e laranja trazem a sensação de águas quentes.

Não esqueça o entorno

De nada adianta iluminar a piscina e não criar pontos de luz no deck. A área toda deve ser iluminada para garantir bons momentos de lazer e segurança à noite, principalmente se a sua intenção é dar festas e receber convidados ao redor da piscina.

Refletores no jardim, por exemplo, deixam a área mais sofisticada e valorizam o paisagismo e os caminhos por onde as pessoas passam até chegarem na piscina.

Opte por balizadores de LED

Os balizadores de LED são os mais indicados para a iluminação da piscina, pois podem ser usadas no deck como sinalizadores e são à prova d’água. Os refletores e espetos de LED são boas opções para a área externa ao redor da piscina para criar harmonia, se colocados próximos a folhagens, por exemplo.

As luzes de LED são econômicas, pois consomem cinco vezes menos energia que as lâmpadas comuns, com grande durabilidade (cerca de 50 mil horas de vida útil).

Essas foram as nossas dicas de iluminação para piscinas. É claro que cada pessoa tem suas preferências e necessidades específicas de mais ou menos luz, mas o importante é escolher a opção que seja mais segura, confortável e econômica.

​Já tem um projeto de iluminação para a sua piscina ou executou um e quer compartilhar a experiência com a gente? Deixe o seu comentário neste post e participe dessa discussão!