Os termos iluminância e luminância causam muita confusão por sua similaridade. Mas o que realmente são esses termos e o que eles significam para o mundo da iluminação? É muito simples, a iluminância representa a luz que sai da luminária e é projetada sob uma superfície e a luminância é a luz refletida sob essa superfície que vem para os nossos olhos.

O mundo da iluminação é constituído de muitas informações e muita curiosidade. Para quem não está familiarizado com os conceitos de iluminação, pode ser difícil definir entre um tipo de lâmpada e outro, ou que seria mais adequado para um projeto. E é por isso que nós da Iluminim estamos aqui, para lhe ajudar das mais variadas formas nesse grande universo da iluminação.

Na engenharia de iluminação, muitos termos parecem semelhantes, mas seus significados são bastante diferentes. Isso pode levar à confusão e mal-entendidos de conceitos e aplicações apropriados. Esse é o caso da luminância e iluminância. A palavra é de fato bem semelhante, porém seus sentidos são completamente diferentes. Confira a seguir a diferença entre esses dois termos:

O que é Luminância X O que é Iluminância?

A iluminância é termo que descreve a medição da quantidade de luz que incide sobre uma determinada área de superfície plana (iluminação e espalhamento), ou seja, representa a quantidade de luz que incide sobre esse ponto específico, como uma bancada por exemplo. É uma luz incidente, que não é visível, sendo assim, a claridade que se espalha pelo ambiente.

Já a luminância nada mais é do que a medição da quantidade de luz que passa ou reflete de uma superfície específica em um determinado ângulo. Ela se refere à percepção visual e à percepção fisiológica da luz, indicando quanta energia luminosa o olho humano pode perceber quando refletido por um objeto.

Resumindo, a iluminância é luz que sai da luminária e é projetada sob uma superfície e a luminância é a luz refletida sob essa superfície que vem para os nossos olhos.

Sugestão de leitura: Luz Direta e Indireta: entenda as diferenças

Cálculo de Iluminância Média

É representado pelo símbolo “E”, e está relacionado ao fluxo luminoso de superfície plana na direção vertical. Sua unidade de medida é lux (lx), e pode ser medida com um dispositivo chamado luxímetro. Um lux é igual a um lúmen por metro quadrado (lm / m²). E mesmo que você não consiga perceber, medir a iluminância é necessário para um projeto luminotécnico.

Φ = fluxo

A: Área projetada

E como Calcular a Luminância?

Quando observamos a superfície iluminada, a intensidade luminosa refletida pela superfície é dividida em várias áreas que o olho pode ver. Sua unidade de medida é o SI (Sistema Internacional) e o método de cálculo é o número de candelas por metro quadrado ( cd / m²). É a luminância que dá a sensação de claridade aos olhos. Também indica quanta energia de luz o olho humano pode perceber. Você pode usar um espectrorradiômetro, colorímetro ou medidor de luminância para quantificar a luminância.

L: luminância (cd/m²)

I: Intensidade Luminosa (candela – cd)

A: Área Projetada (m²)

Cos a: ângulo considerado em graus

Leia também: 6 cuidados essenciais com a instalação elétrica residencial

Tabela de Iluminância por Classe de Tarefas Visuais

Nessa tabela de Iluminância, podemos ver conferir a tabela com os valores recomendados pela ABNT (Associção Brasileira de Normas Técnicas), para iluminância mínima em serviços para iluminação artificial, interiores e outros ambientes onde se realizam diversas atividades.

Tabela da Luminância

Nessa tabela abaixo, veremos os valores aproximados de luminância em candela por área projetada (cd/m²), para entendermos através dos números como a luz é projetada sob os olhos. Isso irá facilitar na hora de realizar o cálculo necessário no momento de pensar o seu projeto luminotécnico.

Conseguiu entender qual a diferença entre iluminância e luminância? Agora que você já sabe o que são esses termos, lembre-se sempre de calculá-los antes de executar os seus projetos.  Dessa forma você não corre o risco de que a iluminação dos ambientes fique inadequada.

Você também pode se interessar: Conheça os tipos de iluminação LED ideais para cada tipo de ambiente

Gostou do conteúdo do post? Então aproveite para compartilhá-lo em suas redes sociais. Qualquer dúvida pode deixar seu comentário aqui abaixo!