Tempo de leitura: 2 minutos

A fonte de alimentação é uma parte importante de um equipamento eletrônico, mas ela está presente em muito mais situações do que você imagina, como na iluminação.

As fitas de LED, principalmente, precisam de uma fonte para funcionarem. Para que você entenda mais sobre esse equipamento tão essencial, confira nosso guia!

O que é e para que serve a fonte de alimentação?

A fonte de alimentação é um componente de aparelhos eletrônicos que tem como função transformar a energia elétrica que chega pelas tomadas em uma corrente elétrica contínua. Ou seja, ela recebe a energia em 110V ou 220V e transforma na voltagem adequada para o funcionamento do aparelho, que geralmente é 12V.

Algumas fontes podem elevar ou baixar o nível de tensão, e também há aquelas que apenas isolam o circuito da rede de energia elétrica. Ela ainda é um importante protetor contra picos de energia e instabilidade, muito comuns no Brasil. Cada tipo de equipamento exigirá uma fonte específica.

Quais são os tipos de fontes de alimentação?

Existem dois principais tipos de fontes de alimentação: linear e chaveada. As mais utilizadas são as chaveadas. Nelas, existem capacitores e indutores no processo de conversão de energia e um controle de chaveamento que ajusta a passagem de energia, fixando uma tensão de saída.

Ou seja: a própria fonte vai permitir ou não a passagem de mais ou menos energia, conforme a necessidade para gerar a tensão. É esse o modelo usado em fitas de LED, já que o funcionamento delas se dá pela passagem de uma quantidade de energia — e mais do que isso pode danificar o produto. Além disso, a chaveada é a fonte mais econômica, eficiente e menor.

Na linear, a energia passa por um transformador para ser reduzida. Depois ela passa por um retificador e um filtro. É um sistema mais simples, mas gasta mais energia para funcionar. Isso porque ela não tem o chaveamento para desativar quando já há energia elétrica suficiente para fazer o aparelho funcionar. O resultado disso é que a energia é dissipada em forma de calor e se perde.

Quais são as tensões fornecidas por uma fonte de alimentação?

Em geral, os componentes de hardware são fabricados a partir de um padrão, para se adaptarem às fontes existentes no mercado. No caso das fitas de LED, você vai precisar de fontes de 12V ou 24V, que são também as mais utilizadas para a maioria dos equipamentos eletrônicos. 

De toda forma, as fontes tendem a trabalhar dentro de alguns padrões, fornecendo energia para todos os componentes elétricos do equipamento.

Para que seus aparelhos eletrônicos funcionem corretamente, eles devem ter uma boa fonte de alimentação. Assim, a energia que chegar até sua casa será convertida e totalmente utilizada, sem perdas e com bastante economia no consumo.

Quer conhecer alguns modelos de fontes para LED e como utilizá-las na sua casa? Então, entre em contato com a Iluminim, uma loja especializada em LED e acessórios!