Tempo de leitura: 4 minutos

Na hora de iluminar a casa, é bastante comum ter dúvidas sobre quais produtos comprar e como instalá-los, pois são muitas opções. Mas se você procura algo prático, uma boa solução para substituir as lâmpadas tradicionais e modernizar seus cômodos é embutir plafon de LED. Aprenda mais sobre eles agora!

Além de serem bonitas, essas luminárias são fáceis de colocar, não sendo necessário nenhum conhecimento prévio em elétrica. Neste tutorial, você aprenderá mais detalhes sobre esse tipo de iluminação e todos os passos para embutir um plafon de LED em um teto de gesso, PVC ou madeira. Confira!

Tipos de plafon de LED

O plafon de LED é uma luminária de teto muito utilizada para iluminação geral e uma boa substituição aos tradicionais soquetes de lâmpada. É possível instalar apenas um, no centro do cômodo, ou optar por vários, distribuídos pelo ambiente, conforme a sua necessidade.

Existem dois tipos: de embutir e de sobrepor. O primeiro fica com sua estrutura escondida no teto e pode ser usado com forros de gesso, PVC ou madeira. Já o segundo tem o seu arranjo exposto e deve ser a sua escolha no caso de forros de alvenaria. Há diversos modelos, dos mais simples aos mais decorados.

Devido à variedade de tamanhos, formatos e estilos, o plafon de LED pode ser usado em todos os cômodos da sua casa

Tutorial para embutir plafon de LED

Ao comprar um plafon de embutir, você terá em mãos a estrutura da luminária, um driver e duas presilhas que podem ou não estar já fixas ao produto. São elas que segurarão a luz no forro, portanto, são muito importantes!

Retire tudo da embalagem, prenda as presilhas, se for o caso, e deixe tudo à mão para os passos a seguir.

Materiais necessários

Para instalar e embutir seu plafon de LED, você precisará de ferramentas para cortar o teto, trena, lápis, escada, alicate para descascar os fios, fita isolante ou conectores e chave de fenda.

Para cortar o teto, o mais indicado é utilizar uma serra específica para cada material para não correr o risco de danificar o forro nesse processo.

Medidas do plafon e do teto

A primeira coisa a se fazer é marcar onde ele será fixado. Com a trena, tire as medidas do plafon, mas atenção com a parte de trás dele. Isso porque o buraco no teto precisa ser menor que a luminária para que o acabamento dela cubra completamente a abertura. Feito isso, anote e passe para a próxima etapa.

Se o seu plafon ficará no centro do cômodo, tire as medidas de todo o ambiente e marque o meio. Depois desenhe com o lápis o contorno que deve ser cortado. Antes de usar a serra, no entanto, desça da escada e observe se está reto, pois um corte torto resultará em uma luminária mal colocada. Se não estiver seguro, meça tudo novamente.

Caso você vá posicionar vários plafons no teto, as medidas são igualmente importantes. A recomendação é que as luminárias fiquem pelo menos 20 centímetros (cm) afastadas de cada canto ou parede e que a distância entre elas seja igual.

Por exemplo, digamos que você vá instalar três produtos, então aplique o primeiro e o último a 20 cm ou 30 cm das paredes e depois coloque o outro no meio deles. Assim, a iluminação ficará equilibrada e bonita.

Corte no teto

Com a certeza do local, chegou a hora de cortar. O forro de PVC não fará bagunça ou sujeira, basta usar a serra adequada e efetuar o corte. Já o gesso e a madeira espalharão poeira, por isso proteja os móveis do local. Corte devagar, com cuidado e, na dúvida, um pouco a menos, depois ajuste se for necessário.

Instalação na energia elétrica

Agora chegou a hora de desligar o disjuntor para não levar choque. Na abertura feita, você verá os fios da instalação elétrica do local. São dois, um de cor azul-clara e outro vermelho ou preto.

Atenção: não corte nenhum dos cabos do teto. Você deve apenas desencapá-los para fazer a conexão. Se você cortar, poderá comprometer o sistema elétrico, impedindo que a energia chegue em outros pontos.

Se estiver instalando em um local onde já existia uma lâmpada, os fios já estarão descascados e você deve apenas conectar o driver. Ligue os cabos, cada um em um dos fios do driver, repetindo o processo em todos os pontos em que você for embutir um plafon de LED.

Para que a corrente elétrica passe, deve existir um encontro de cobre com cobre. Desencape um pouco mais com o alicate, se necessário, e finalize com a fita isolante para o acabamento. Ao final, seu driver estará conectado à sua rede elétrica por meio dos dois fios.

Colocação do plafon

Agora, os passos finais: conecte o drive no plafon e encaixe-o no teto um lado de cada vez, sendo que as presilhas farão com que a estrutura fique presa.

Para finalizar, ligue o disjuntor e faça o teste para ver se está funcionando. Se positivo, é só aproveitar a sua nova iluminação. Caso não tenha funcionado, desligue o disjuntor novamente e confira se os cabos estão bem conectados.

Dicas para ficar atento na instalação

A primeira recomendação é em relação ao produto a ser comprado. Opte por lojas de confiança para ter garantia e a certeza de que a luminária é de boa qualidade. Há também diferentes tamanhos e formatos para escolher, e uma boa forma de saber o mais adequado é olhar as especificações técnicas da mercadoria.

Quanto à instalação, se você não se sentir seguro em realizá-la sozinho, chame um profissional. Um corte errado no forro pode resultar em um gasto maior do que contratar alguém para fazê-lo.

Outro ponto para ficar atento é em relação à quantidade de iluminação. Tenha em mãos as medidas do cômodo e tente imaginar como as peças ficarão no local. Talvez um plafon não seja suficiente, ou três sejam demais para seu ambiente.

Embutir plafon de LED não é tão complicado quanto parece, ainda mais porque os produtos já vêm com as presilhas que facilitam muito o trabalho. No entanto, é importante fazer o corte no local correto e a ligação dos cabos com cuidado para que tudo funcione como planejado.

Quer saber mais sobre as luminárias plafon de led de embutir? Então, confira nosso texto sobre os principais tipos e como usá-los.