Bom, bonito e barato: um tripé que faz qualquer um de nós, loucos por decoração, muito feliz. Lâmpadas LED tem durabilidade acima da média, são acessíveis e sustentáveis: amigas do bolso e da natureza. Por isso, no texto de hoje nós vamos ensinar você a aumentar a vida útil das suas lâmpadas. De maneira fácil e prática, vamos trazer as principais dicas que você precisa para a manutenção do seu projeto luminotécnico. Iluminação é  peça essencial  para qualquer ambiente da casa, disso você já sabe, né?! Sempre procuramos, aqui no blog, trazer para você dicas práticas que podem ser aplicadas no seu dia a dia. Segue com a gente e continue a leitura do texto! 

 

Sustentabilidade com iluminação LED

O cuidado com o meio ambiente é um tema super em alta, imagino que você saiba disso. Na última década, é perceptível uma crescente preocupação da população com a utilização responsável de energia elétrica. Nessa direção, grande parte das pessoas trocou as lâmpadas de suas casas, que antes eram, em sua maioria, incandescentes, por lâmpadas fluorescentes. 

 

Luz LED

As lâmpadas LED não necessitam da utilização do mercúrio, elemento químico que contém elementos tóxicos os quais contaminam o meio ambiente quando não descartados corretamente. Isso porque utilizam outro elemento químico, chamado diodo, o qual possui boa capacidade de iluminação e não consome tanta energia. Toda a corrente elétrica que passa pelas lâmpadas LED é revertida em iluminação e não em calor. Sua alta durabilidade também se converte em economia, devido ao tempo de duração da vida útil do LED, você pode utilizar a mesma lâmpada por anos. Além disso, as lâmpadas LED podem durar até 25 vezes mais que as lâmpadas incandescentes!

Dica: para ser ainda mais sustentável, ​​você pode fazer uma luminária artesanal a partir dos diversos tipos de materiais recicláveis. O que você acha?! Aliando bom gosto, reutilização e criatividade você terá uma luminária artesanal novinha em folha!

 

Iluminação retro

Às vezes, você pode pensar que reutilizar qualquer tipo de material pode ajudar no que diz respeito às questões de sustentabilidade. Isso é um ponto interessante de ser discutido! Se você reutilizar aquela lâmpada antiga, super legal, que encontrou na casa da sua avó, será que está ajudando o meio ambiente? 

Então, respondendo a questão: por mais que você dê um novo uso a lâmpada retro, você pode estar fazendo uma escolha não tão “verde”. Isso porque as lâmpadas antigas essas lâmpadas eram produzidas, exclusivamente, com filamentos de carbono, o que deixava o espaço mais quente e a conta de luz mais alta. Com a tecnologia LED, as lâmpadas se tornaram mais econômicas, mais potentes e com maior vida útil. Além disso, elas não poluem o meio-ambiente, porque são livres de componentes químicos, como o mercúrio.

Dica: use lâmpadas retro LED, são econômicas, sustentáveis e deixam seu espaço super descolado!

 

Uso consciente: aumente a vida útil da lâmpada LED

Os equipamentos LED foram criados como solução para iluminar ambientes com maior eficiência energética e mais economia. Em alguns casos, no entanto, a vida útil dos dispositivos de iluminação LED pode ser afetada por razões externas, como aumento de temperatura e a sobrecarga de tensão. Assim, para melhorar a durabilidade do LED, existem algumas boas práticas que podem ser aplicadas no dia a dia da sua empresa.


Afinal, o que posso fazer para aumentar a vida útil da iluminação LED do meu espaço?

1. A primeira ação está relacionada à correta instalação do equipamento de iluminação LED, visto que a instalação baseada em normas adequadas — seguindo as orientações do guia do fabricante — é essencial para o pleno funcionamento do dispositivo, bem como para a conservação e segurança.
2. A segunda boa prática diz respeito à política de garantia, já que algumas atitudes são necessárias para garantir a integridade do produto e a segurança do técnico responsável. 

 

Além disso:

  • Certifique-se que a rede elétrica possui aterramento e que ele esteja conectado à instalação do produto;
  • Assegure-se de que a temperatura ambiente (temperatura de operação) nunca exceda às especificações do produto; e
  • Lembre-se que o produto não pode ser coberto.

Essas práticas ajudam a prevenir acidentes, sobretensão, curtos-circuitos e aumento dos custos de produtos por diminuição da produtividade. Vale lembrar que a manutenção preventiva também auxilia na economia de energia, uma vez que é capaz de antecipar queimas e outros incidentes relacionados ao dispositivo LED.

 

Esperamos que você tenha gostado das dicas,

Porque a gente gosta tanto de decoração que não podemos deixar que nossa fita LED preferida queime fácil, não é?! O mesmo cuidado com nossos lustres LED, spot embutir, spot sobrepor, luminária LED e pendentes LED, afinal, a decoração precisa de bom gosto para ser criada e de cautela para ser mantida!

 

Confere no nosso site!

 

E aí, conta pra gente, vai aplicar essas dicas no seu dia a dia? Não perca tempo e confira outros modelos de lâmpada LED no site da Iluminim! Corre lá!