Tempo de leitura: 3 minutos

Morar em um bairro repleto de árvores e em contato frequente com a natureza é um sonho de consumo para muitas pessoas. Porém, quando a poda na iluminação da área verde não é feita regularmente, algumas surpresas desagradáveis podem surgir e o sonho acaba virando pesadelo.

É muito importante que as plantas harmonizem com a iluminação, criando um cenário de tranquilidade e bem-estar. Portanto, se você curte uma boa área arborizada, mas está enfrentando problemas com a iluminação no local, leia o nosso post e aprenda mais sobre a importância da poda em plantas. Confira!

Os espaços públicos são revitalizados

Você já pensou na sensação de visitar um parque desativado? Provavelmente, um cenário de abandono estaria a sua espera! Isso incluiria árvores desordenadas, secas e, por vezes, com ervas daninhas caindo por entre os galhos.

Portanto, as primeiras medidas para revitalizar o local certamente seriam a limpeza e a poda das árvores. Depois disso, a vista passaria a ser bem mais agradável, com o local mais arejado e propício a visitação, não é mesmo?

Galhos cortados facilitam a entrada de luz

Não tem como escapar de um rigoroso trabalho de manutenção quando o projeto envolve plantas. Elas representam uma decoração natural e, inevitavelmente, estão sempre em crescimento. Por esse motivo, os galhos precisam ser cortados constantemente. A medida facilita uma iluminação eficiente tanto natural quanto elétrica.

Não dá para manter a beleza e a segurança em uma praça, jardim ou bosque se a iluminação não estiver adequada. Do contrário, os galhos e as folhas acabam ofuscando os fachos de luz, tornando o ambiente sombrio, até mesmo evitado pela maioria das pessoas. Afinal, um simples passeio pode se tornar bem desagradável com a sombra das árvores a causar arrepios.

Maior segurança para as pessoas

Além de deixar o ambiente mais bonito e bem iluminado, a poda na iluminação da área verde é de grande importância para manter a segurança dos pedestres — até porque os próprios galhos podem camuflar alguns movimentos, principalmente no período da noite.

A medida pode evitar a recorrência da utilização dos espaços públicos por jovens que usam drogas ilícitas, por exemplo. Aliás, essa prática tem sido bastante comum nas áreas urbanas. Diante disso, as famílias acabam se afastando dos locais projetados para o lazer.

Poda na iluminação da área verde preserva fiações

De nada serviria um bom projeto de iluminação numa área verde se as árvores insistissem em atingir as instalações constantemente! Pois é exatamente isso que acontece quando os cortes não são feitos de forma regular.

Geralmente, as plantas atingem a rede elétrica, causam curtos-circuitos e até a interrupção frequente da energia. Com isso, um bairro inteiro acaba prejudicado. Sem falar nos inúmeros registros de eletrodomésticos queimados pela oscilação na eletricidade.

Isso porque as árvores grandes recebem condução de energia pelos cabos dos postes quando tocam a rede de distribuição. A situação se torna ainda pior nos períodos de chuvas, pois as plantas ficam mais energizadas, possibilitando até choques em pessoas devido à corrente com a água.

E então, gostou das nossas dicas sobre a poda na iluminação da área verde? Elas agora vão auxiliar você a ficar atento aos espaços públicos arborizados, não é mesmo? Comente aqui no post e ajude a conscientizar mais pessoas sobre a importância da poda de plantas e árvores!